quarta-feira, 15 de abril de 2009

OLHOS NOS OLHOS 14

NUM DIALOGO DE SURDOS SÓ AOS GRITOS



video


VEJA,OIÇA E REVOLTE-SE, CLIQUE EM CIMA

*******

DURANTE A 2ª GUERRA MUNDIAL NOS CAMPOS DE EXTERMINIO DA ALEMANHA NAZI OS JUDEUS CAMINHARAM PELO SEU PRÓPRIO PÉ ATÉ ÁS CAMARAS DE GAZ LEVANDO NA MÃO AQUILO QUE PENSAVAM SER UM SABONETE NECESSÁRIO PARA O DUCHE QUE JULGAVAM QUE IAM TOMAR. QUANDO A REALIDADE ERA TÃO CATASTRÓFICA O SER HUMANO ENTRA EM NEGAÇÃO E RECUSA-SE A RECONHECÊ-LA ATÉ SER TARDE DEMAIS.

EM 1975 NAS VÉSPERAS DA REVOLUÇÃO COMUNISTA EM PORTUGAL QUE QUASE DESTRUIU POR COMPLETO A ECONOMIA PORTUGUESA, QUE VEIO A SER SALVA POR UM NOVO GOLPE MILITAR DOS MODERADOS EM 25 DE NOVEMBRO E PELA VENDA DAS TONELADAS DE OURO DA "PESADA HERANÇA FASCISTA", APESAR DE JÁ TER HAVIDO INUMEROS INDICIOS COMO O GOLPE FALHADO DAS CALDAS, PORTUGAL INTEIRO VIVIA UMA EUFORIA ONDE A BOLSA SUBIA QUASE 10% AO DIA.

HOJE, DIA EM QUE É ANUNCIADO INEQUIVOCAMENTE PELA ÚNICA AUTORIDADE COMPETENTE, "governador do bando de Portugal" QUE ESTAMOS NUMA RECESSÃO SÓ IGUALADA PELA DE 1975 OS CABEÇALHOS DA MAIORIA DOS NOSSOS DIÁRIOS E TELEVISÕES REFEREN-SE A COISAS MUNDANAS, COMO OS CASOS JÁ GASTOS DO FREEPORT,DAS INTRIGAS NOS PARTIDOS E DAS COMISSÕES DE INQUÉRITO PARLAMENTARES,SEM QUALQUER REFERENCIA À TRAGÉDIA DO DIA.

É O VIRAR A CARA PARA O LADO PARA NÃO VÊR O ÓBVIO QUE ESTÁ DIANTE DOS NOSSOS OLHOS...

2 comentários:

  1. Um até já e um até sempre!
    Deus escreve direito por linhas tortas!
    Meu Caro, no mesmo dia em que jurge esta morte anunciada da nossa economia ( esta informação existe desde Fevereiro )surge o sim à minha candidatura no MIT, na sede de Massachusetts. Um projeto ambiental, para reduzir os niveis de Co2 nas águas ocêanicas. Vou mudar de país pela 4ª vez, mas espero que para melhor.

    Votos de felicidades para o blague e para você. Portugal precisa que os "Carlos" digam que não estão para carregar com os erros dos ecônomistas, politicos e finaceiros, que juntam num par de anos, fortunas que o comum do cidadão não consegue numa vida inteira.
    Tente uma candidatura legislativa, independente. Ajudava a dar vóz a tantos Carlos que andam calados por aí!

    Eu irei enfrentar uma situação de 24/24h e não vou ter tempo para escrever pra vocês, mas fica qui o meu bem haja e votos de felicidades.


    Um até já e um até sempre


    Gerônimo Copacabana

    ResponderEliminar
  2. caro amigo
    Gosto muito de ver e ouvir pessoas como tu que são contra o sistema injusto que nos governa . Ultimamente tens falado do prec e do 25 de abril e de novembro que são velhos fantasmas do nosso Portugal enfim cada qual tem a sua opinião e eu tenho a minha, como tenho 31 anos não era nascido mas de acordo com o que me ensinaram concordo com alguns excertos da tua opinião. sou um democrata progressista que pensa que o estado deve de implementar a justiça a democracia e regular à partida quais os direitos e obrigações de cada cidadão, desde o sem abrigo ao banqueiro. viva a liberdade viva a democracia e viva a europa. Falas do 25 de novembro que "acabou" com a "parodia" do prec e dos ratos que andavam a ocupar empresas e o quintal do vizinho porque queriam trabalhar e cavar muito, só que os ratos não sabem fazer nem uma coisa nem outra. depois com o 25 de novembro automaticamente foram muitos (tipo durão barroso pina moura) para o ps e psd esses sim dois grandes centros de emprego ao estilo sovietico. mas vou dizer que a parodia não acabou pessoalmente (infelismente) não sou rico mas tenho umas casitas velhas e três delas estão ocupadas pelo estado: sou obrigado a gramar 3 ratos (inquilinos) la dentro com mais rendimento que eu, com melhores carros que eu, ferias de luxo, um deles até casa propria fez. a renda dos 3 não dá para pagar a tv cabo e internet. só sou proprietario para pagar os impostos e fazer obras de conservação. e dizes que o prec acabou... neste momento é a minha mãe que manda, mas um dia se for só eu tou a pensar em doar essas casas velhas ao rei de marrocos, sim porque eu também não bato bem...e se calhar a culpa é toda do d. afonso enriques
    Quanto à questão de xenofobia é outro fantasma, a minha opinião continua a ser a mesma tem que haver regras, mas não nos podemos esquecer que em qualquer parte do mundo onde haja uma máquina de imperial também há um português e
    hoje em dia tal como na altura do antonio salazar (que tenha lá a alma em descanço no inferno mais horrivel que haja), o que o nosso país mais exporta é carne humana, ou seja, mão de obra barata para Inglaterra, Suiça, Espanha, etc. E não tenhas duvidas que os nossos também fazem muita merda por lá e vão à procura de subsidios. por isso penso que temos telhados de vidro, a diferença é que estes países têm leis preparadas para os trolhas estrangeiros ao contrario de Portugal.
    Em suma ratos e trolhas vão existir sempre tem é que haver leis modernas para o país ser moderno o que ainda falta muito para lá chegar.

    um abraço caro amigo, não estamos todos a dormir.


    a minha definição de -fantasma: algo que pode assustar ou fazer outrém se passar das ideias.
    -rato:um inutil que vive para lixar a vida aos outros, e quando o barco mete água é o primeiro a fugir, em Portugal existem muitos milhares desta espécie muitos vivem camuflados e nem se dá por eles.


    Pedro

    ResponderEliminar