domingo, 28 de fevereiro de 2010

6 DÉCADAS DE MÁS URGÊNCIAS HOSPITALARES

NOVO HOSPITAL DE CASCAIS ACABADO DE INAUGURAR

VELHO HOSPITAL DE CASCAIS ACABADO DE FECHAR

AS VELHAS URGÊNCIAS DECADENTES

A PROMISCUIDADE DA ENFERMARIA DO VELHO BANCO

INACREDITÁVEIS TRASEIRAS DO VELHO HOSPITAL
* * *
HÁ MUITOS E MUITOS ANOS QUE SOU UMA ESPÉCIE DE "HIPOCONDRIACO". PARA QUEM NÃO SABE É UMA PESSOA QUE TEM A MANIA DAS DOENÇAS E TEM MEDO DE ESTAR PERMANENTEMENTE COM QUALQUER COISA DE GRAVE, PELO QUE AO MENOR SINAL CORRE DE IMEDIATO PARA O BANCO DE URGÊNCIAS DO HOSPITAL. COMO VIVO HÁ 6 DÉCADAS EM CASCAIS, IMAGINEM LÁ AS VEZES QUE ME LEVANTEI A MEIO DA NOITE PORQUE ME DOÍA O PEITO, PARA IR A CORRER PARA AS URGÊNCIAS DE CASCAIS, ALGUMAS VEZES DE PIJAMA E TUDO. NO FINAL, DEPOIS DE UMA ETERNIDADE PASSADA NAQUELAS INSTALAÇÕES QUE JÁ ERAM VELHAS HÁ 60 ANOS ATRÁS, FAZENDO ANALISES E ELECTROCARDIOGRAMAS, ACABAVA SEMPRE POR SER MANDADO PARA CASA COM UNS SIMPLES COMPRIMIDOS PARA OS GASES.
NEM SEMPRE AS MINHAS AFLIÇÕES SE RESUMIAM "AOS PEIDOS" EM CIMA REFERIDOS. AO LONGO DE TANTO TEMPO, VOLTA E MEIA, LÁ APARECIA UMA "DOENÇAZINHA" REAL, QUE DEPOIS DE DIAGNOSTICADA ME LEVAVA DE IMEDIATO A FUGIR PARA UM HOSPITAL PARTICULAR, POIS ERA LIMITADA A CAPACIDADE DE AGUENTAR AQUELE AUTÊNTICO FILME DE HORROR.
A SALA DE ESPERA DO BANCO DE URGÊNCIAS, COM UMA MULTIDÃO DE PESSOAS SENTADAS NO CHÃO E NAS POUCAS CADEIRAS EXISTENTES, UMAS DE PIJAMA COMO EU, OUTRAS ENFAIXADAS DOS PÉS À CABEÇA E ATÉ MESMO OUTRAS TANTAS ENSANGUENTADAS DEITADAS NAS MACAS DAS AMBULÂNCIAS QUE ALI AS TROUXERAM, PARECIAM AQUELAS IMAGENS QUE RETEMOS DOS FILMES DE GUERRA COM OS SEUS HOSPITAIS DE CAMPANHA. SÓ FALTAVA MESMO OUVIR O BARULHO DOS HELICÓPTEROS A POISAREM, QUE ERA SUBSTITUÍDO PELAS IRRITANTES E ESTRIDENTES SIRENES DAS AMBULÂNCIAS QUE CHEGAM.
O SERVIÇO DE TRIAGEM CRIADO Á ALGUNS ANOS, SUPOSTAMENTE PARA DAR PRIORIDADE A QUEM A TEM, NUNCA FUNCIONOU EM CONDIÇÕES, PARA ALÉM DE COM UM SIMPLES OLHAR E DUAS PERGUNTAS ESTÚPIDAS, OS MÉDICOS DIVERTIREM-SE A DISTRIBUIR SENHAS QUE VÃO DA LETRA "A" (MUITO URGENTE) ATÉ À LETRA "D" (POUCO URGENTE). NÃO FORAM RARAS AS VEZES EM QUE ASSISTI ENTRE OS PACIENTES À TROCA DE UMA SENHA "A" POR UMA SENHA "D", MEDIANTE O PAGAMENTO DE UMA DETERMINADA QUANTIA. OUTRAS VEZES,(O QUE ERA NORMALMENTE O MEU CASO COMO DIABÉTICO), ACONTECIA QUE PACIENTES QUE APARENTEMENTE NADA TINHAM RECEBIAM DE IMEDIATO SENHAS "A" ENQUANTO OS JÁ REFERIDOS QUE AGUARDAVAM ENSANGUENTADOS NAS MACAS, CONTINUAVAM PACIENTEMENTE À ESPERA.
VENCIDA A BARREIRA DA TRIAGEM E DO JOGO DAS SENHAS, LÁ DENTRO O PESADELO CONTINUAVA. A EXÍGUA SALA DA ENFERMARIA ESTAVA SEMPRE LOTADA POR UMA DÚZIA DE DOENTES DEITADOS EM MACAS QUE AGONIZAVAM COM GEMIDOS DE DOR.
DEPOIS DE ATRAVESSAR ESTE INFERNO DE DANTE, (SOMENTE NAS IDAS NOCTURNAS), ENTRAVA-SE FINALMENTE NA SALA DO MÉDICO, ONDE ESTE SENTADO SONOLENTO A UMA SECRETÁRIA, DE ONDE NUNCA SE LEVANTAVA PARA EXAMINAR MELHOR OS DOENTES, PASSAVA RECEITAS PARA OS MAIS VARIADOS EXAMES QUE LHE VINHAM Á CABEÇA. AQUI COMEÇAVA O CALVÁRIO DE PERCORRER AQUELES CORREDORES ESCUROS E SUJOS, DE PAPELINHO NA MÃO, EM BUSCA DA SALA DAS ANÁLISES OU ATÉ A DOS ELECTROCARDIOGRAMAS. DECORRIDA UMA ETERNIDADE LÁ VOLTAVA EU TODO CONTENTE AO MESMO MÉDICO, MUNIDO DE UM GRANDE ENVELOPE CASTANHO PARDO CONTENDO OS RESULTADOS DOS EXAMES. E PRONTO! LÁ VOLTAVA EU PARA CASA COM A RECEITA PARA OS PEIDOS...
FINALMENTE O, HÁ DÉCADAS PROMETIDO NOVO HOSPITAL DE CASCAIS FOI INAUGURADO COM POMPA E CIRCUNSTÂNCIA, COM SÓCRATES E CAPUCHOS À MISTURA. O VELHINHO HOSPITAL ESTAVA DEFINITIVAMENTE CONDENADO.
HOJE À NOITE, (AGORA MESMO), ESTANDO A PREPARAR AS MALAS PARA PARTIR AMANHÃ AO FINAL DA MANHÃ PARA A "RIVIERA MAYA", (NÃO ERA MUITO DIFÍCIL DE ADIVINHAR DEPOIS DE TANTAS POSTAGENS FALANDO DELA), CONSTATEI QUE NÃO TINHA MAIS INSULINA NEM SEQUER UMA RECEITA PARA A ADQUIRIR. RESOLVI ENTÃO IR AO HOSPITAL EM BUSCA DA DITA RECEITA, MAS ESQUECI-ME QUE O NOVO JÁ TINHA SIDO INAUGURADO PELO QUE FUI AO VELHO.
AQUI O ESPECTÁCULO ERA TAMBÉM DE UM FILME DE GUERRA, SÓ QUE DESTA VEZ AS IMAGENS ERAM AQUELAS QUE GUARDAMOS DOS NAZIS A QUEIMAREM DOCUMENTOS E A GUARDAREM TUDO EM CAIXAS E GRANDES SACOS DE PLÁSTICO, PREPARANDO-SE PARA FUGIREM À FRENTE DOS EXÉRCITOS ALIADOS.
O CAOS ERA TOTAL. FALTAVA UMA HORA PARA A MEIA-NOITE, ALTURA EM QUE O SERVIÇO DE URGÊNCIA QUE FORA MANTIDO NO PERÍODO DE TRANSIÇÃO SERIA DEFINITIVAMENTE ENCERRADO PARA IR PARA O NOVO HOSPITAL ONDE JÁ SE ENCONTRAM TODOS OS OUTROS SERVIÇOS.
ERA UMA HORA HISTÓRICA, COMO HISTÓRICO ERA TAMBÉM O MOMENTO EM QUE POR COINCIDÊNCIA EU FUI TESTEMUNHA PRESENCIAL, A AGONIA FINAL DAQUELE QUE TINHA ASSISTIDO A TANTOS EM AGONIA.
VER AQUELAS SALAS TÃO MINHAS CONHECIDAS, AGORA NÃO MAIS CHEIAS DE MACAS COM DOENTES AGONIZANTES MAS COM CAIXOTES E DEMAIS EMBALAGENS, DEU-ME UMA CERTA NOSTALGIA. SEMPRE TINHAM SIDO 6 DÉCADAS A SER MALTRATADO. MAS APESAR DISSO DEIXARAM-ME UMA PONTINHA DE SAUDADE...
* * *
ADEUS ATÉ AO MEU REGRESSO QUE TANTO PODE SER DAQUI A UMA SEMANA COMO EM 2012 PARA ASSISTIR COM VOCÊS AO FIM DO MUNDO.




UM DIA ATRÁS DO OUTRO


(transcrição do comentário postado em baixo)

Anónimo disse...
Carlos li com muita atenção as tuas ultimas postagens e quero dar-te os parabéns mais uma vez pala mudança dos assuntos. A lingua portuguesa é rica e com ela nós aprendemos o que na escola chamavamos de interpretação dos textos . Só que , a interpretação que eu faço destes ultimos que tu nos deste a conhecer é tão complicada que só a consegui resumir numa palavra de cada vez - trágico(de tragédia,claro), profética( de profecia, claro)misteriosa e sobretudo diz-nos que o fim estará perto(2012), como vários teóricos defensores da natureza e alarmistas, se se podem chamar assim, já têm anunciado em vários artigos de jornal que eu leio quando posso e consigo.
Uma das perguntas que te faço é se tu acreditas nestas profecias, nestes avisos das energias solares e dos antigos e das civilizações de antes de Cristo. Eu não sei se não devemos esquecer toda essa conversa e deixar que o dia a dia nos mostre.
Eu sei que, nos ultimos tempos, pelo mundo afora, nós estamos a ver a natureza a revoltar-se, como aconteceu na Madeira, hoje no Chile, etc. mas se vamos acreditar que em 2012 acaba tudo, não sei se vale a pena estar com tantos sacrificios para dar aos meus filhos uma vida mais digna do que a que eu até agora tive. Por isso sei que para mim é melhor acreditar que são mesmo só teorias e que nem os cientistas acreditam de verdade nelas.Mas continuo curioso sobre qual a tua posição sobre o assunto.Sei que escreveste o livro mas isso não quer dizer que acredites a sério naquilo.
Mesmo assim, eu e os meus amigos do blogue agradecemos a variedade dos assuntos que estás a trazer para a conversa .Um abraço
Zé Ninguém

27 de Fevereiro de 2010 20:29


* * *

SE EU ACREDITO NISTO?! É A PERGUNTA DO ZÉ NINGUÉM.

É CLARO QUE ACREDITO NAS CIÊNCIAS, COMO A FISICA QUÂNTICA, A ASTRONOMIA E ASTROFISICA, A DINAMICA, NO MAGNETISMO, NO VULCANISMO, NA GEOLOGIA, NA HISTÓRIA E SOBRETUDO NA TEORIA DA RELATIVIDADE DE HEINSTEIN, MAS ISSO NÃO QUER DIZER FORÇOSAMENTE QUE ACREDITE QUE VAI HAVER UM CATACLISMO EM 2012. NEM A ANÁLISE PROFUNDA E DETALHADA QUE FIZ SOBRE A CIVILIZAÇÃO MAYA E AS SUAS PROFECIAS ME OBRIGAM A TER QUE DAR UMA MAIOR IMPORTÂNCIA A ESSA DATA DO QUE UMA SIMPLES CURIOSIDADE HISTÓRICA OU LENDÁRIA.

TODA A MINHA VIDA, BASEADO NAS PROFECIAS MAIS ANTIGAS DO APOCALIPSO DO APÓSTOLO JOÃO E POSTERIORMENTE DE NOSTRODAMUS E OUTROS TANTOS VIDENTES, CONVIVI COM A PROFECIA QUE PROMETIA O FIM DO MUNDO PARA A MUDANÇA DO MILÉNIO. ESTE PASSOU E A GENTE CONTINUA TODOS CÁ. AGORA É O 2012, POIS A HUMANIDADE TEM NECESSIDADE NÃO SÓ DE INVENTAR UM DEUS MISERICORDIOSO A QUEM RECORRER NAS AFLIÇÕES, QUE POR SUA VEZ É TAMBÉM CASTIGADOR PARA MANTER O SEU REBANHO SEMPRE ENCARREIRADO COM O MEDO DE UM HOLOCAUSTO PRÓXIMO, QUE OS APANHE DE CALÇAS NA MÃO CHEIOS DE PECADOS QUE OS PROJECTARIAM DIRECTAMENTE NO INFERNO. PROVAVELMENTE EM 2013 TEREMOS QUE NOS DAR AO TRABALHO DE PROCURAR OUTRA DATA PRÓXIMA PARA O NOVO FIM DO MUNDO.

QUE É VERDADE QUE NOS MILHARES DE MILHÕES DE ANOS EM QUE A TERRA EXISTE JÁ HOUVE INVERSÕES MAGNÉTICAS POLARES, COM AS CONSEQUENTES CATASTROFES NATURAIS, QUE ALTERARAM COMPLETAMENTE A ESTRUTURA DA CROSTA TERRESTRE. OCEÂNOS MUDARAM DE LUGAR ENQUANTO CONTINENTES INTEIROS MIGRARAM. AS PLACAS TECTÓNICAS CHOCARAM UMAS COM AS OUTRAS LEVANTANDO O FUNDO DO MAR ATÉ Á ALTURA DE NOVE MIL METROS DOS PICOS DOS HIMALAIAS. TUDO ISTO É VERDADE E JÁ ACONTECEU NO PASSADO, MAS PELA LEI DAS PROBABILIDADES AS POUCAS DEZENAS DE MILHARES DE ANOS EM QUE A HUMANIDADE EXISTE SÃO APENAS UMA PEQUENISSIMA FRACÇÃO DE SEGUNDO COMPARADO COM O TEMPO QUE A TERRA TEM. QUEM MORAR POR DEBAIXO DE UMA SENHORA QUE FAÇA BOLOS E DOCES EM CASA, SABE QUE EXISTE UMA REMOTA POSSIBILIDADE DE UM DIA UM OVO ESCORREGAR E CAIR PELA JANELA. ISTO É UM FACTO, MAS NÃO PROVA QUE HAJA A MAIS REMOTA POSSIBILIDADE QUE ESSE OVO VENHA A CAIR NA SUA CABEÇA PRECISAMENTE NO MOMENTO EM QUE ESTEJA A PASSAR POR BAIXO. ASSIM COM OS OVOS FICA MAIS FÁCIL DE ENTENDER O QUE EU PENSO. DEIXEM ESSAS PREOCUPAÇÕES PARA AS DOCEIRAS OU PARA OS CIENTISTAS, E TENTEM VIVER A VIDA DA MELHOR MANEIRA POSSIVEL, UM DIA ATRÁS DO OUTRO.


(transcrição do comentário aqui postado)
Anónimo disse...
Obrigado Carlos por tua resposta. Tal como tu penso que um dia após o outro é a maneira mais fixe de estar no planeta.
um abraço
Zé Ninguém

28 de Fevereiro de 2010 14:30

sábado, 27 de fevereiro de 2010

2012 A DIVINA TRAGÉDIA

LIGAÇÃO AO CÓSMO

PIRÂMIDE FONTE DE EMISSÃO DE ENERGIA

PIRÂMIDE DE CHICHÉN ITZÁ


DESENHO GIGANTE DE ASTRONAUTA GRAVADO NA PEDRA DE UMA MONTANHA

PISTA DE ATERRAGEM NO ALTIPLANO DE NAZCA
* * *
Deus, para os Mayas, era a energia que comunica atraves do cósmos, vinda do centro da galáxia, e o Tzolkin é o Óraculo para saber quais as suas ordens para um determinado ciclo.
A coordenação superior do cósmos é Deus. A capacidade da inteligencia local chegar ao limiar da percepção do TODO, atraves das lentes de Ku'xan Suum, (a entrada para o céu que conduz ao cordão umbilical do Universo) e se define pelos fios ou fibras invisiveis da vida galáctica, que conecta o individuo e o Planeta, atraves do Sol, com o nucleo galactico, Hunapku. Como corpo gigantesco, a Galáxia possui a sua consistencia num complexo de sistemas estelares, cordenados pelo Hunapku, o nucleo galactico. Ao circular energia e informação em sentido horário e anti-horário, o pulsante e denso coração galáctico emite uma série continua de sinais, denominada radio-emissão. Na realidade as emissões de rádio correspondem a uma matriz de ressonancia, um vasto campo galáctico de energia inteligente, cuja pulsação primária intermitente forneçe a base para as funções de ondas universais.
Na filofosia Maya, a civilização sentia-se envolvida com a mente do Sol, o qual manifestava a mente e o coração da Galáxia. A Galáxia possuía desejos, facto este refutado pelos cientistas em geral, mas os Mayas acreditaram nisso. O Planeta está doente, mas ninguém se importa, porque a ciencia não admite que a Terra é um ser vivo, respirando em unissono com a Galáxia, com o Sol, com o Cósmos. A Cultura Ocidental separa átomos de hidrogénio e estrelas, como fenómenos fisicos, da vida psiquica, esta como transcendente, separada em absoluto do Universo. Pelo contrário, a ciencia Maya considera o Universo como evento único de Energia multiforme. Portanto, a consciência e o corpo fisico do homem são remanescencias do mesmo processo cósmico sagrado.
Os Mayas tinham uma missão a cumprir enquanto as suberbas civilizações da Terra não possuem qualquer objectivo que as resgate do seu egocêntrismo. O Tzolkin foi uma dádiva. A ideia era uniformizar todo o sistema solar para o ciclo de 5125 anos. Mesmo assim, os investigadores consideraram-nos como meros medidores do tempo obsessivos, quando o que fizeram foi registar com precisão as correlações entre o padrão armónico galactico e o calendário Solar Terrestre. O ciclo de 5125 anos, que vai da chegada dos Nove Senhores do Tempo, em 3133 A.C., a 2012 D.C. é uma uniformização exacta e fractal galáctica, agindo como uma lente e focalizando o feixe de radiação pela qual a informação do nucleo galáctico se sincroniza com a Terra, atraves do Sol.
Os Mayas acreditavam que a visão do Homem no mundo segue periodos galácticos, cujo código foi apreendido por eles, tanto na matemática como na forma simbolica. Não havia discordancia entre as visões na ciência e no esóterismo Maya. Completavam-se, mas a visão Maya era mais essencial ao mundo de hoje. Nisso ambas estavam de acordo. Enquanto os ciêntistas detectavam nas suas experiencias os efeitos fisicos das radiações de densidade, varrendo toda a Galáxia, os Mayas detectavam experimentalmente as radiações de diferentes forças que influênciavam, não só o nascimento e a actividade das estrelas, mas o nascer e o activar de ideias, visões, convicções e emoções.
Os Mayas que conseguiram durante um periodo pré-histórico alcançar conceitos abstractos como o dos algarismos zero e infinito, introduziram um sistema de notação de barra ponto,os numeros, além do calendário sagrado, o Tzolkin, que as permutações interminaveis dos treze primeiros algarismos e das vinte posições signicas, adoptadas como hieroglifos.
Os Nove Senhores do Tempo, que estão representados pelos nove patamares da Piramide do Sol, foram emissários da Galáxia e espalharam o seu Conhecimento pelos treze klãs guerreiros e as sete tribos, nas montanhas da Guatemala e nas selvas de Peten, entre as Honduras e a Guatemala, enquanto surgia, próximo da Cidade do México, Teotihucau, o maior e mais extenso centro cerimonial de toda a Mesoamerica, cujo nome quer dizer "lugar onde os deuses tocaram a Terra".
(vidé A Divina Tragédia/ Carlos Paço d'Arcos da Editora Hugin e 2012 A Profecia Maya de Alberto Beuttenmuller, da Editora Pergaminho)





2012 - A PROFECIA MAYA











**
Para quem não sabe, a Terra possui um forte campo magnético que efetivamente filtra uma grande quantidade das microondas provenientes do sol. Sem este campo magnético, a vida na Terra seria praticamente inviável. E é este campo magnético que nos dá o famoso “norte” da bússula, por exemplo.
Ocorre que o “norte” magnético nem sempre é no norte, e a Terra freqüentemente experimenta uma mudança total de eixo de seu campo magnético, isso é PROVADO e COMPROVADO pelas pesquisas geológicas em camadas de magma resfriado, por exemplo. O magma é frequentemente carregado de partículas de ferro, e é fracamente magnetizado pelo campo da Terra, só que um estudo geológico pode facilmente comprovar que ocorrem inversões periódicas deste campo em campo. Além de inúmeros outros testes, como a “assinatura” magnética nos polos magnéticos da Terra que tem variado violentamente com o passar dos milênios.
A Terra é uma esfera em que a crosta terrestre “sólida” tem uma espessura bastante pequena, e está permanentemente “boiando” sobre uma quantidade muito grande de material derretido “magma” fortemente impregnado de ferro e outros metais, que gira ao redor de um núcleo sólido de tamanho relativamente pequeno. Se alguém assistiu aquela bobagem do filme “o núcleo”, saiba que nisto eles estavam falando a verdade. Este material líquido em movimento cria uma espécie de “geodínamo”, que produz o nosso campo magnético.
O fato é que (e isso é FATO), por algum motivo existe periodicamente uma inversão completa deste campo magnético, e a única explicação plausível na ciência para tal atualmente é que existe uma inversão do movimento deste fluido. Ou seja, periodicamente, todo o interior da Terra pára, e começa a girar para o OUTRO LADO! Isso acontece EXTREMAMENTE rápido, em questão de 1 MÊS o campo magnético da Terra gira 360 graus!!! Isso equivale a cerca de 6 graus POR DIA!!! Ninguém sabe explicar porque isso acontece, mas parece quase impossível explicar esse fenômeno sem uma causa externa à Terra. É necessário que haja uma enorme quantidade de energia envolvida com esse fenômeno!
Não precisa ser um gênio para deduzir o que acontece com a crosta terrestre quando isso ocorre. No melhor dos cenários, por cerca de 1 semana ou mais, a Terra fica sem campo magnético, praticamente. Isto, por si só já seria praticamente responsável pela extinção da vida na Terra. Terremotos, tsunamis, ciclones e erupções vulcânicas de intensidade INIMAGINÁVEL seriam o cenário provável. Continentes são literamente arrastados de suas posições. Sem contar que, se a maior massa da Terra começar a girar ao contrário, é quase impossível imaginar que a crosta da Terra não acompanha o movimento, ou seja, que a própria Terra não inverta sua rotação. Se você entende um pouco de física, imagine uma bolinha de ping-pong, em que a parte interna é cheia de água, em que a água gira para um lado no interior da bolinha, e a parte externa acompanha. Agora imagine que, subitamente, a água pára, e começa a girar para o outro lado, consegue imaginar a bolinha girando para o mesmo lado???
As consequencias deste fenômeno são arrasadoras para a crosta terrestre, historicamente, os pólos não apenas se invertem, mas são afastados centenas de quilômetros de suas posições originais.
Esta inversão tem ciclos muito variados, mas acontece em média a cada 250 mil anos. Ora, estamos a cerca de 750 mil anos da última inversão. Este fenômeno não é exclusivo da Terra, inúmeros outros planetas possuem campo magnético, e muitos experimentam esta inversão. O próprio sol, inverte seus pólos magnéticos a cada 11 anos! Esta inversão é responsável (ou concomitante) pelos ciclos de “sol máximo” e “sol mínimo”, em que as manchas solares aumentam estupidamente, e a quantidade de “flares” solares (emissão de massa coronal) se torna possível. Pequenos flares solares tem sido responsáveis nas últimas décadas por grandes distúrbios magnéticos elétricos e radioativos na Terra. Há alguns anos, um flare solar queimou parte das linhas de transmissão de energia de Quebec, induzindo cargas de até 1200 volts nas linhas.
Ainda, antes que uma “inversão dos pólos” aconteça na Terra, normalmente é precedida por uma anormal redução do campo magnético da Terra (veja bem, eu não disse parada, mas redução drástica e rápida, uma espécie de “freada” do fluido. Nos últimos anos, a Terra tem sido vítima de uma abrupta redução do campo magnético, sendo que nos últimos 50-100 anos o campo magnético da Terra diminuiu mais do que nos últimos 2000 anos que precederam este período. Estas “instabilidades” do campo magnético tem sido conjeturas de que o “aquecimento global” possa ser um misto de “aumento de atividade solar” e redução do campo magnético da Terra, por vários pesquisadores sérios. Estamos presenciando uma inversão parcial do campo magnetico hoje, chamada de “anomalida do atlântico sul, que atinje atualmente o Brasil, principalmente sobre os Estados do sul. Esta anomalia é única e radicalmente intensa, aonde encontramos cerca de 30% do “escudo magnético” original, no resto da Terra encontramos cerca de 60%.
Não seria hora de começarmos a nos preocupar com o assunto? Porque ninguém fala nisso?
Uma teoria (e deixo bem claro agora que é TEORIA) que me pareceu mais razoável é a de que, se na Terra não existe a princípio força capaz de inverter o ciclo de uma massa tão grande como a do fluido de magma, devemos procurar uma explicação além de nosso planeta. Quem teria capacidade de injetar energia tão grande a ponto de fazer uma “proeza” física dessas? A resposta me pareceu bastante óbvia, o SOL!
Excepcionalmente e comprovadamente, o sol emite “mega-flares”, capazes de conduzir uma descarga eletromagnética e radioativa muito maior do que os flares normais. Indícios passados de mega-flares tem sido encontrados na Terra e na Lua, por exemplo.
Agora imagine que o “geodínamo”, que já está perdendo aceleração é atingido por um “curto-circuito” de proporções estelares, quem conhece algo sobre o assunto sabe que é perfeitamente possível vislumbrar não apenas uma inversão dos pólos, mas uma magnetização capaz de gerar um movimento que seria capaz de durar por centenas de milhares de anos novamente.
Em 2012 teremos o novo máximo solar, que está previsto pela nasa para ser um dos maiores dos últimos 50-100 anos. Estamos perdendo campo magnético em proporções nunca antes presenciadas (e preocupantes). Os maias previram o fim do calendário para 2012 (na verdade segundo alguns estudiosos, não o fim de um calendário, mas o fim de um “ciclo”). Os maias tinham profundo conhecimento astronomico e foram os primeiros a detectar a existência dos ciclos solares (boa parte da religião deles estava ligada ao sol). Imagine agora, por um momento, que eles SABIAM quando aconteceria o próximo “mega-flare” solar, e SABIAM das consequencias. Essa possibilidade não deixa você, pelo menos “um pouco” apreensivo?
Civilizações como a Maia e a Egípcia possuem similaridades religiosas e culturais muito profundas, mesmo geograficamente isoladas. Além disso, possuem desenvolvimento específico em algumas áreas do conhecimento, como a astronomia e a construção. Imagine o cenário, se estas civilizações tivessem abrigado alguns “sobreviventes” de uma catástrofe global como a que falamos. Não seria mais fácil entender porque elas tiveram um “boom” cultural em algumas áreas. Se você voltasse a barbárie após um holocausto deste nível, não se esforçaria em contar para os seus filhos o que aconteceu? Em pesquisar o fato? E, com o passar das gerações e a “volta ao primitivo”, isso não acabaria por gerar idéias místicas e primitivas nos seus filhos e netos? “Deuses SOL, LUA, etc”? Pirâmides e construções atualmente quase inexplicáveis naquela época, não seriam mais facilmente explicáveis por descendentes de uma civilização relativamente avançada, mas que recuou ao ambiente primitivo?
Vários animais e insetos são especialmente “sensíveis” ao campo magnético da Terra, inclusive se utilizando dele como forma de localização espacial. Será que essa alteração abrupta não pode estar diretamente ou indiretamente ligada ao “sumiço” das abelhas e a “loucura” dos elefantes?
Nas últimas décadas, experimentamos uma radical alteração no clima da Terra, um aumento considerável no número de terremotos, ciclones, etc E uma alteração violenta no campo magnético da Terra. Será que esses fenômenos que estão sendo pesquisados isoladamente não podem, em conjunto, ser mais facilmente explicáveis por um início da alteração da hidrodinâmica do fluido magmático?
Incontáveis civilizações geograficamente isoladas possuem um mito similar de catástrofes climáticas que dizimaram uma “civilização predecessora”, será mera coincidência, ou este fato nos foi passado de geração em geração, por milênios? Dilúvio bíblico, a lenda de Atlântida, lendas indígenas da América do Norte sobre inundações de proporções apocalípticas, são apenas histórias, ou se baseiam no fato de que, num passado remoto, isso REALMENTE aconteceu?
Será que, com o passar dos milênios e com a destruição global de qualquer civilização porventura “predecessora”, este conhecimento não adquiriria proporções “religiosas” no desenvolvimento de novas civilizações?
***
Escrito por Ramon Peters

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

PENÍNSULA DE YUCATÃO - BERÇO DOS MAYAS

PENINSULA DO YUCATAN/BERÇO DA CIVILIZAÇÃO MAYA

RIVIERA MAYA O PARAÍSO QUE RESTOU

PIRAMIDE KUKULKAN E RUINAS EM CHICHEN ITZA

ESTATUA MAYA DE UM DOS NOVE SENHORES DO TEMPO
TURISMO CULTURAL E DE LUXO
* * *
O fim da Era da Fé avizinha-se. Vai-se entrar na Era do Saber e do Conhecimento. Na Era Isa nunca mais se usará a venda da ilusão, será preciso ser-se Maya, no coração e no espirito, para se ter uma nova visão do Mundo. Actualmente, a Pirâmide de Kulkulkan, em Chichen Itza, no Yucatão, está no centro das radiações cósmicas. Cada estação do ano tem apróximadamente noventa e um dias. Primavera, Verão, Outono e Inverno somam trezentos e sessenta e quatro dias. Em cada ano, o Sol desloca-se para Norte por cento e oitenta e dois dias, voltando ao Sul por mais cento e oitenta e dois dias: nos extremos, o Solstício. A meio desse ciclo existe um outro ponto, de Leste a Oeste: o Equinócio. A Pirâmide Sagrada de Kulkulkan está no centro exacto das quatro estações. Tem quatro lados, representando as quatro estações, tendo noventa e um degraus em cada um dos lados, representando os dias de cada estação. No Equinócio, o Sol cruza o ponto central das quatro estações, formando angulos exactos de 90º.
No topo está o dia que falta para os trezentos e sessenta e cinco, apontando as quatro direcções. Este fenómeno é conhecido por A PELE DA SERPENTE. Esta pele contém sete triângulos que representam o despertar dos nossos sete chakras, que ilustram a nossa conexão com as PLÊIADES...
(vidé A Divina Tragédia de Carlos Paço d'Arcos, da Editora Hugin e 2012 - A Profecia Maya de Alberto Beuttenmullr da Editora Pergaminho)





quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

IF/SE


SE/IF

*
Se podes suportar que outros te acusem
Quando do mal não sejas o culpado

E, muito embora todos se recusem

A acreditar em ti, tu segues confiado
... ...
Á mentira antepor sempre a verdade;
... ...
Tua verdade ouvir por outrem pervertida

Na mentira subtil que os néscios alimenta;
... ...
Se podes comandar o coração e os nervos

E, quando fores só uma ruina,

Torná-los ainda servos

Dessa tua vontade que os domina;
... ...
Se viveres, enfim, o Tempo inexorável

Longe das lutas vãs em que outros o consomem;

Será teu o Universo e, o que é mais admiravel,

Serás um homem !

(in Anrique Paço d'Arcos/Rudyar Kipling)

* * *

ESTAS PALAVRAS QUE MEU PAI TÃO BEM INTERPRETOU FORAM EXACTAMENTE AS QUE EU PRECISAVA OUVIR PARA VOLTAR A ACREDITAR ...

*

O AMOR VENÇE TUDO MENOS A AUSÊNCIA DO MESMO !
* * *
(transcrição do comentário postado em baixo)

São disse...
Olá Carlos, Lucy e tds os outros amigos seguidores do blog e dmiradores dos seus autores... Gostei de vos ver e saber que no final a emoção e o Amor conseguem vencer a Razão e tds as razões e (des)razões que insistam em ir contra o Amor e a Paz que Ele traz em si e na sua permanência entre nós.
E os "cães ladram e a caravana passa" para quem se queira meter a "besta" com vcs. Ainda bem que vcs voltaram a aparecer e cá estamos para vos apoiar sempre.
PS esta interpretação do SE/IF de seu Pai é lindissima . Obrigada por nos trazer uma coisa tão especial.
Um beijão para os dois da São

24 de Fevereiro de 2010 23:07

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

TAMBÉM NÃO SOU UM "ZÉ NINGUÉM" ! ! !

EU COM OS DOIS ÚLTIMOS PRESIDENTES DA REPUBLICA

HÁ 23 ANOS LANÇEI O MEU PRIMEIRO LIVRO

HÁ 15 ANOS APRESENTEI O MAIS CONTROVERSO PROGRAMA DE RÁDIO


MAIS CONTROVERSO AINDA FOI QUANDO FUI PARA A TV DISCUTIR COM O MEU CÃO

POR ÚLTIMO, AO FIM DE 9 LIVROS ENTRE ELES VÁRIOS BESTT SELLERS COM 10 EDIÇÕES E 50 000 LEITORES, LANÇEI UM LIVRO DE MEMÓRIAS
* * *
HÁ 1 ANO CONTINUEI A CONTROVERSIA NESTE BLOG PARA 5000 SEGUIDORES
* * *
SÓ ME RESTA MESMO REALIZAR O MEU SONHO DE CONSTAR NA GRANDE ENCICLOPÉDIA PORTUGUESA BRASILEIRA CONFORME JÁ REFERI.
*
PARA DEPOIS IR REFUGIAR-ME DEFINITIVAMENTE NA TAL PRAIA PARADISIACA À ESPERA QUE ME CAIA UM CÔCO NA CABEÇA QUE ME LEVE DESTA PRA MELHOR.
*
AFINAL DE CONTAS JÁ SOU UM "ZÉ ALGUÉM" ! ! !






domingo, 21 de fevereiro de 2010

ANRIQUE PAÇO D'ARCOS

O POETA MEU PAI RODEADO POR AQUELA QUE FOI A SUA MULHER POR MAIS DE 50 ANOS E OS SEUS 6 FILHOS. ( para os menos atentos eu estou sentado de camisa branca)

ANRIQUE PAÇO D'ARCOS E JOAQUIM TEIXEIRA DE PASCOAES


* * *

TEIXEIRA DE PASCOAES, UM DOS MAIORES POETAS DO SÉCULO PASSADO, QUANDO DO PRIMEIRO LIVRO DAQUELE QUE HAVIA DE SER O SEU MAIS "DILECTO DISCIPULO" ESCREVEU O SEGUINTE :

"... DURANTE A MINHA VIDA LITERÁRIA, ..., JÁ FUI SURPREENDIDO, ALGUMAS VEZES, PELA APARIÇÃO DE NOVOS POETAS VERDADEIROS. ... JÁ UM NOVO SOL ME VESTE DUMA NOVA CLARIDADE. REFIRO-ME Á «DIVINA TRISTEZA», DE ANRIQUE PAÇO D'ARCOS, QUE ACABO DE LER, SURPREENDIDO E ENCANTADO!

O ESPIRITO POETICO DOS LUSÍADAS ENCONTROU MAIS UM INTERPRETE DIVINO - O MAIS SINCERO E ESPONTANEO.

O VERBO ANGELICO DE FREI AGOSTINHO RESSUSCITOU; A ELEGIA MISTICA E SAUDOSA ONDULA EM NOVOS MOVIMENTOS DE HARMONIA, NA DIRECÇÃO DE DEUS E DAS ESTRELAS.

«A DIVINA TRISTEZA» É UM LIVRO DE ORAÇÕES, UM LIVRO IMATERIAL SÓ ESPIRITO, SÓ VIDA! NAQUELAS PÁGINAS NÃO SE PERCEBE UM ESFORÇO, UMA INTENÇÃO, UM ARTIFICIO. OS VERSOS NASCEM COMO NASCEM AS ÁRVORES E AS FLORES, PELA SIMPLES VIRTUDE DE UMA INTIMA ENERGIA NATURAL. GERMINARAM NA ALMA DO POETA E DESABROCHARAM AO SOL DE DEUS.

A SAUDADE, NA SUA MAIS ALTA EXPRESSÃO RELIGIOSA, A MUSA DE CAMÕES, DE FREI AGOSTINHO, HEIS O QUE É A «DIVINA TRISTEZA» DO NOSSO MAIS NOVO POETA. VEJA O LEITOR COMO ELE A DEFINE NESTES DOIS VERSOS:

« SAUDADE É VAGO ESPELHO ONDE AS IMAGENS
TÊM VIDA PARA ALÉM DA REALIDADE»

*

QUE CLARIDADE E PROFUNDIDADE! ESTES VERSOS, COMO VÁRIOS OUTROS QUE APARECEM NO SEU LIVRO SÃO INEXCEDIVEIS. REPRESENTAM INSTANTES SUPREMOS DE CRIAÇÃO ESPIRITUAL..."

* * *

"VERSOS SEM NOME" (1923) - "DIVINA TRISTEZA" (1925) - "MORS-AMOR" (1928) - "PEREGRINO DA NOITE" (1931) - "CIDADE MORTA" (1939) - "ESTRADA SEM FIM" (1947) - "HISTÓRIA DE JESUS" (1962) - "CIRCULOS CONCENTRICOS" (1965) - "VOZ NUA E DESCOBERTA" (1981).

HEIS OS NOVE LIVROS DE POESIA ESCRITOS EM TODA A SUA VIDA QUE PODEM SER ENCONTRADOS EM "POESIA COMPLETAS DE ANRIQUE PAÇO D'ARCOS" NA COLECÇÃO BIBLIOTECA DE AUTORES PORTUGUESES DA IMPRENSA NACIONAL - CASA DA MOEDA DE 1993. COM UMA REEDIÇÃO DE LUXO DE 2006.

* * *

SAUDADE É QUERER VIVER O JÁ VIVIDO,
QUERER AMAR E TER AMADO JÁ...
SENTINDO O CORAÇÃO ANOITECIDO,
QUERER BEIJAR A LUZ QUE O SOL LHE DÁ.
*
SAUDADE É VER FUGIR O BEM PERDIDO,
NÃO PODENDO IR COM ELE ONDE ELE VÁ;
AI, SAUDADE AFINAL É TER NASCIDO
NA CERTEZA QUE A VIDA ACABARÁ !
*
HORIZONTES SEM FIM, NOVAS PAISAGENS...
SAUDADE É VAGO ESPELHO ONDE AS IMAGENS
TÊM VIDA PARA ALÉM DA REALIDADE.
*
SAUDADE É TUDO ENFIM QUE ME RODEIA;
UM RELEVO DE PASSOS PELA AREIA;
A MORTE, A VIDA, O AMOR, TUDO É SAUDADE...
* * *
MAIS PALAVRAS PARA QUÊ ? !
* * *
NOVE LIVROS ESCREVEU MEU PAI...
NOVE LIVROS ESCREVI EU...
DIVINA TRISTEZA É O NOME DE UM DOS LIVROS DO MEU PAI.
DIVINA TRAGÉDIA É O NOME DE UM DOS MEUS LIVROS.
ACABAM AQUI AS COINCIDÊNCIAS, POIS MEU PAI É UM ESCRITOR CONSAGRADO E ESTUDADO NAS UNIVERSIDADES E LICEUS, ENQUANTO EU SOU UM ESCRITOR QUE AINDA LUTO PARA SER RECONHECIDO COMO TAL.
O MEU MAIOR SONHO É VER O MEU NOME APARECER NA PÁGINA 913 DO VOLUME 19 DA GRANDE ENCICLOPÉDIA PORTUGUESA E BRASILEIRA, IMEDIATAMENTE A SEGUIR AO DO MEU PAI, E DEPOIS DO MEU AVÔ E BISAVÔ, QUE FOI O PRIMEIRO CONDE DE PAÇO D'ARCOS CUJO TITULO LHE FOI CONCEDIDO POR FEITOS VALOROSOS POR EL REI D. LUÍS.
**
(transcrição do comentário do Anónimo por opção)
Anónimo disse...
Até que enfim!!! há dois dias que parastes com a tua luta por "justiça com as próprias mãos" e olha o resultado! o convivio com a Lingua Portuguesa, tão rico e poético. Agora percebo de onde te vem a veia da escrita... Teu PAI era mesmo um SENHOR POETA, pena que não tenha sido tão divulgado e conhecido quanto merecia .
Gostei de te ouvir falar sobre o nosso pensador e um dos poucos intelectuais marcantes do nosso país no seculo passado. Quem me dera ter tido também o convivio com ele talvez escrevesse e me expressasse melhor do que faço. Mas é para isso que serve o teu blog, voltaste ao teu objectivo principal que é darnos a conhecer coisas que nós na nossa ignorância não conheciamos mas que ao falares delas nos obrigas à pesquisa-bendita internet- e ficamos a saber um pouco mais.
Obrigado por voltares ao blog que nós esperamos
Anónimo por Opção

21 de Fevereiro de 2010 11:54

JARDIM DE CALÇAS NA MÃO

ALBERTO JOÃO JARDIM APANHADO DE CALÇAS NA MÃO

A FORMA DA MADEIRA É COMO A DUM TELHADO DUMA CASA ONDE AS ÁGUAS DA CHUVA CORREM PARA AS EXTREMIDADES

A FORMA DO FUNCHAL É UM ENORME ANFITEATRO PARA ONDE CORREM TODAS AS ÁGUAS DA CHUVA

TUNEIS COMO ESTE FURAM E ATRAVESSAM TODA A ILHA OBSTRUINDO AS LINHAS SUBTERRANEAS POR ONDE AS ÁGUAS DEVIAM ESCAPAR

VIADUTOS COMO ESTE ESTÃO DESSIMINADOS POR TODA A ILHA E FUNCHAL DE MODO QUE HOJE AS DESPENDIOSAS ESTRADAS SÃO FEITAS DE TUNEL/VIADUTO
****
TODOS NÓS ASSISTIMOS HORRORIZADOS PELA TELEVISÃO Á TRAGÉDIA PROVOCADA NO FUNCHAL PELAS ÁGUAS DA CHUVA QUE EM QUANTIDADE NUNCA VISTA DESCERAM PELAS ENCOSTAS ABAIXO, TRANSBORDANDO DOS LEITOS DAS POUCAS RIBEIRAS EXISTENTES INUNDANDO DE LAMA E ENTULHO TODA A CIDADE.
PUDERA ! ESTANDO NO POLEIRO HÁ TRÊS DÉCADAS ALBERTO JOÃO,(de quem eu até gosto), SÓ SE PREOCUPOU COM AS GRANDES OBRAS PÚBLICAS QUE ENCHEM O OLHO DO ELEITOR, ESQUECENDO-SE DE "PEQUENOS DETALHES", COMO O DE FAZER ESTUDOS PRÉVIOS HIDROGRAFICOS ANTES DE MANDAR FURAR A ILHA COMO SE FOSSE UM QUEIJO SUIÇO CRIANDO BARREIRAS ÀS LINHAS DE ÁGUA SUBTERRANEAS, E OBSTRUINDO OS LEITOS NATURAIS DAS RIBEIRAS COM A EXPANSÃO URBANISTICA DESMENSURADA. COM O PREÇO DE DOIS OU TRÊS DOS SUPER VIADUTOS QUE MANDOU CONSTRUIR TINHA EXECUTADO UM VERDADEIRO PLANO DE ESCOAMENTO FLUVIAL NO FUNCHAL, QUE NUNCA TERIA PERMITIDO QUE ACONTECESSE A TRAGÉDIA QUE O POVO MADEIRENSE ESTÁ A ATRAVESSAR.
EM PORTUGAL NÃO SE APRENDE COM OS PRÓPRIOS ERROS ! EM LISBOA CONSTRUIMOS UM TÚNEL DE METRO NO TERREIRO DO PAÇO A TAPAR AS LINHAS DE ÁGUA DAS DUAS RIBEIRAS SUBTERRANEAS QUE ALI PASSAM E O RESULTADO TODOS CONHECEM POIS TIVERAM QUE ESPERAR QUASE UMA DÉCADA PARA IREM DE METRO PARA SANTA APOLÓNIA. PELOS VISTOS JARDIM NÃO LIGA AO QUE ACONTECE NO CONTINENTE E É HOJE APANHADO DE CALÇAS NA MÃO...




sábado, 20 de fevereiro de 2010

O GÉNIO DE AGOSTINHO DA SILVA

EU PASSEANDO NO MEU SLK (que parecia não existir)

EU ENTRANDO NO MEU CARRO À PORTA DA MINHA CASA


A MINHA CASA NA RUA DA PALMEIRA A 300 METROS DA DO AGOSTINHO DA SILVA

POR ESTA PORTA SÓ ENTRAVAM OS ELEITOS CONVIDADOS


AGOSTINHO DA SILVA, NEM A ORIGINALIDADE NEM A COERÊNCIA


Não me preocupa no que penso nem a originalidade nem a coerência. Quanto à primeira, tudo aquilo com que concordo passa a ser meu — ou já meu era e ainda se me não tinha revelado. A minha originalidade está só, porventura, na digestão que faço. Pelo que respeita à coerência, bem me rala; o que penso ou escrevo hoje é do eu de hoje; o de amanhã é livre de, a partir de hoje, ter sua trajectória própria e sua meta particular. Mas, se quiserem pôr-me assinatura que notário reconheça, dirão que tenho a coerência do incoerente e a originalidade de não me importar nada com isso.

Prof. Agostinho da Silva

***

(transcrição do comentário de um seguidor atento)
Anónimo disse...
" E POSTO QUE VIVER ME É EXCELENTE,CADA VEZ GOSTO MAIS DE MENOS GENTE" - Agostinho da Silva

um seguidor atento e agradecido

20 de Fevereiro de 2010 11:53

****
QUANDO ESTAVA VIVO ESTE GRANDE MESTRE DO PENSAMENTO, FILOSOFO DA INCOÊRENCIA DE CONVICÇÕES INABALAVEIS, ERA MEU VIZINHO, POIS MORAVA EM LISBOA NA TRAVESSA DO ABARRACAMENTO DE PENHICHE, UMA TRANSVERSAL DA RUA DA PALMEIRA, LOGO 100 METROS ACIMA DA CASA ONDE MORO.
JÁ AQUI AFIRMEI QUE É MEU HABITO FREQUENTAR O RESTAURANTE DE VIDRO QUE ESTÁ INSTALADO NO MEIO DO JARDIM DO PRINCIPE REAL COM A SUA ESPLANADA ONDE TANTO SE PODE APANHAR SOL COMO ESTAR RESGUARDADO À SOMBRA DA ÁRVORE MAIS ALTA DE LISBOA.
FELIZMENTE NÃO ERA EU O ÚNICO QUE TINHA ESTE HABITO POIS "O MESTRE" TAMBÉM APROVEITAVA OS DIAS BONITOS PARA LÁ IR APANHAR SOL E DAR DOIS DEDOS DE CONVERSA AOS VIZINHOS E AMIGOS QUE ENCONTRAVA.
QUANDO EU TINHA A SORTE DE O ENCONTRAR NÃO ME CONTENTAVA COM OS DOIS DEDOS MAS QUERIA TODOS OS DEDOS DA MÃO E SE POSSIVEL ATÉ OS DOS PÉS. BEBIA CADA PALAVRA PRENUNCIADA POR AQUELA BOCA, CORREIA DE TRANSMISSÃO ORAL DE UM CEREBRO GENIAL ONDE ERAM PARIDOS OS PENSAMENTOS MAIS EXDRUXULOS, QUIÇA ATÉ ABSURDOS. AQUELE ROSTO BARBUDO DE OLHAR PERDIDO NO AMANHÃ SERVIU-ME CERTAMENTE DE MODELO PARA A MINHA ACTUAL APARENCIA, ASSIM COMO O SEU PENSAMENTO DOMINA POR COMPLETO OS MEUS.
TAMBÉM ELE, TAL COMO PADRE ANTÓNIO VIEIRA E FERNANDO PESSOA, DEFENDIA UM "QUINTO IMPÉRIO", QUE É A ESSÊNCIA DA ALMA LUSITANA, TÃO BEM DEFENDIDA NA FRASE PESSOANA: "A MINHA PÁTRIA É A LÍNGUA PORTUGUESA"



video


(transcrição do comentário feito a esta mesma postagem)


Anónimo disse...
Carlos sou um seguidor atento deste blog,não sou pessoa de grandes comentarios,mas hoje resolvi deixar aqui a minha opinião quanto ao conteudo do mesmo:
Tu como pessoa inteligente que tens vindo a mostrar desde o inicio deste blog (que já fez um ano),que falas de variadissimos assuntos uns mais sérios do que outros e isso é que torna este blog tão eclético e interessante deverias mante-lo nesse formato, porém compreendo a tua revolta perante o facto de alguém sem escrupulos e de má formação estar a fazer as coisas horriveis a que temos assistido,dizias tu que usaste o blog para "atacar" essas mesmas pessoas.
Bem, provavelmente eu faria o mesmo. Espero que a justiça "castigue" essas pessoas, porque não podem simplesmente "atacar" e fugir. Mas por favor continua com temas de interesse público e tenta resistir aos ataques a que tu e a tua "maria" estão a ser alvos.
És um homem inteligente e (in)coerente, lembrate que estamos do lado de cá,sempre na expectativa de interessantes temas. Vocês os dois fazem uma boa equipe. Obrigado
Aquele que te admira

20 de Fevereiro de 2010 19:33



****
NO COMENTÁRIO EM CIMA MAIS UMA VEZ E COM TODA A RAZÃO SE PROTESTA CONTRA ESTE QUASE JOGO "DE ATACAR E FUGIR" EM QUE EU TENHO ANDADO NUMA BUSCA VÃ EM QUERER RESOLVER AS CALUNIAS FAZENDO "JUSTIÇA COM AS PRÓPRIAS MÃOS". É MAIS UMA LIÇÃO QUE EU RECEBO DOS SEGUIDORES DO BLOG, COM QUEM JÁ TANTO APRENDI EM MATERIA DE HUMILDADE E BONDADE. ESTAS EMOÇÕES E A REFERENCIA FEITA NO VIDEO, PROJECTARAM-ME DE IMEDIATO PARA O GRANDE POETA ANRIQUE PAÇO D'ARCOS, MEU PAI, QUE VEM TAMBÉM ENSINAR-ME QUE PARA ALÉM DOS BOFETÕES "AS MÃOS" TÊM OUTRA UTILIDADE E SIGNIFICADO BEM MAIS PACIFICO E SENSATO. OUÇA-MOS O POETA:



MÃOS QUENTES



MÃOS FRIAS CORAÇÃO QUENTE


OUÇO DIZER TODA A GENTE


NÃO SEI BEM SE COM RAZÃO;


MÃOS QUENTES CORAÇÃO FRIO


CORAÇÃO MORTO E VAZIO


SEM NADA DE CORAÇÃO.


DEIXAI FALAR ESSAS GENTES,


NÃO SABEM O QUE É AMAR.


EU TENHO AS MÃOS SEMPRE QUENTES


E O CORAÇÃO A ESCALDAR.


(in Poesias inéditas de Anrique Paço d'Arcos)







sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

SOPHIA DE MELLO BREYNER

Á ESQUERDA A POETA E AQUELES QUE SE ARRASTAM PELA SOMBRA DAS PAREDES
DA CIDADE NUM RUMOR E VAIVÉM SEM PAZ DAS RUAS, NUMA VIDA SUJA, HOSTIL E INUTILMENTE GASTA

Cidade

Cidade, rumor e vaivém sem paz das ruas,
Ó vida suja, hostil, inutilmente gasta,
Saber que existe o mar e as praias nuas,
Montanhas sem nome e planícies mais vastas
Que o mais vasto desejo,
E eu estou em ti fechada e apenas vejo
Os muros e as paredes, e não vejo
Nem o crescer do mar, nem o mudar das luas.

Saber que tomas em ti a minha vida
E que arrastas pela sombra das paredes
A minha alma que fora prometida
Às ondas brancas e às florestas verdes.



Sophia de Mello Breyner Andresen
Obra Poética I
***
UM DIA TAL COMO SOFIA TIVE O PRIVILEGIO DE PARTICIPAR NA FOTO EM CIMA ONDE ESTÃO REUNIDOS OS ANJOS CAÍDOS E FECHADOS NOS MUROS E PAREDES NAS NOITES AO RELENTO DESTA CIDADE DE DESALENTO...
****
HÁ 5 DIAS ATRÁS NA POSTAGEM DO DIA 15 DENOMINADA "O PAÍS DA MENTIRA E DA ROUBALHEIRA" PROMETI AO ZÉ POVINHO O SEGUINTE:

"TALVEZ FALARMOS SOBRE FERNANDO PESSOA E DA SUA PÁTRIA QUE ERA A LÍNGUA PORTUGUESA! OU ATÉ MESMO DE CAMÕES E DOS SEUS LUSIADAS CUJOS BARÕES ASSINALADOS DA LEI DA MORTE SE FORAM LIBERTANDO. EM ÚLTIMA ANÁLISE PODEMOS FALAR DE "GAJAS" QUE É UM ASSUNTO QUE EU ENTENDO. A PALAVRA ESTÁ DESSE LADO..."
***
EU CUMPRO O QUE PROMETO !
COM PESSOA E CAMÕES INICIEI A PROMESSA REFERENTE À POESIA QUE COMPLEMENTEI COM FLORBELA ESPANCA E SOPHIA DE MELLO BREYNER. DO OUTRO ASSUNTO, AS "GAJAS", NINGUÉM TEM DUVIDA QUE FALAMOS E ABUSAMOS.
TALVEZ PARTIR-MOS AGORA PARA OUTROS ASSUNTOS IGUALMENTE IMPORTANTES.

FLORBELA ESPANCA

***
DEPOIS DE TANTAS MULHERES ORDINÁRIAS FINALMENTE UMA MULHER COM UM "M" MUITO GRANDE.
*
FLORBELA ESPANCA ESTÁ AO NIVEL DE UM CAMÕES E DE UM PESSOA
*
ENQUANTO PESSOA DIZIA : PEDRAS NO CAMINHO? GUARDO TODAS, UM DIA VOU CONSTRUIR UM CASTELO...
*
FLORBELA ESPANCA DIZ QUE PERDEU OS SEUS FANTÁSTICOS CASTELOS


Perdi meus fantásticos castelos
Como névoa distante que se esfuma...
Quis vencer, quis lutar, quis defendê-los:
Quebrei as minhas lanças uma a uma!

Perdi minhas galeras entre os gelos
Que se afundaram sobre um mar de bruma...
- Tantos escolhos! Quem podia vê-los? –
Deitei-me ao mar e não salvei nenhuma!

Perdi a minha taça, o meu anel,
A minha cota de aço, o meu corcel,
Perdi meu elmo de ouro e pedrarias...

Sobem-me aos lábios súplicas estranhas...
Sobre o meu coração pesam montanhas...
Olho assombrada as minhas mãos vazias...

Florbela Espanca, in "A Mensageira das Violetas"
***
O MEU MOVIMENTO COMEÇOU HÁ 15 ANOS ATRÁS EM NOME DE UMA GERAÇÃO DE VIOLETAS, AGORA TRAGO AQUI "A MENSAGEIRA DAS VIOLETAS"

ANÓNIMO POR OPÇÃO


(transcrição do comentário do seguidor Anónimo por Opção)
Anónimo disse...
Carlos até te aho um gajo porreiro e há anos que te ouço e vejo. Mas não te conhecia este lado tão ´pouco educado... Se tens o poder de sensurar os comentários como é que deixas estes gajos e gajas escrever o que escrevem e publicares e assim tu também desces ao nivel deles e escreves estas coisas horriveis e particulares que a nós só destroem a imagem que temos de ti. Não são as asneiras, essas estamos habituados a ouvir desde a rádio e não xocam ninguém. São os assuntos, o lavar de roupa suja que só a voces interessam e que pelo menos a mim e a um outro chavalo que também te segue e é do tempo da Rua da Palmeira 15, estás a fazer que o respeito que te tinhamos esteja a arrefecer e nóa temos pena e não queremos mas a continuar assim não venho mais aqui durante uns tempos até a roupa estar lavada e os bofetões estarem acabados.
Embora já há muito tempo eu não diga nada , tenho vindo sempre aqui para te ver.
Anónimo por opção

19 de Fevereiro de 2010 10:54
****
MAIS UMA VEZ AFIRMO QUE TANTO TU COMO O ZÉ POVINHO TÊM TODA A RAZÃO EM PROTESTAR CONTRA A BAIXARIA QUE TEM VINDO A APARECER NOS COMENTÁRIOS DO BLOG E EM ALGUMAS DAS MINHAS RESPOSTAS. INFELIZMENTE O PROBLEMA DOS BOFETÕES AINDA ESTÁ POR RESOLVER POR TOTAL COBARDIA DO TAL LUIS MIGUEL TABORDA, QUE SE TEM INTERTIDO A DIFAMAR A MIM E À MINHA MULHER PELOS MAIS DIVERSOS MEIOS, NOMEADAMENTE NA INTERNET. JÁ APRESENTAMOS A DEVIDA QUEIXA NA POLICIA JUDICIÁRIA DE LISBOA, MAS APESAR DE SABERMOS QUE O ASSUNTO JÁ ESTÁ NO MINISTÉRIO PUBLICO, AINDA DEMORARÁ ALGUM TEMPO ATÉ HAVER EFEITOS PRATICOS QUE LEVEM O DIFAMADOR E SUA MULHER CRISTINA OLIM A PARAREM DE IMEDIATO COM A DIVULGAÇÃO DE TODAS AS MENTIRAS DIFAMATÓRIAS. NÃO QUERENDO ME SUBSTITUIR À JUSTIÇA TENHO TENTADO FAZER COM QUE O MESMO DE A CARA PARA RESOLVERMOS O ASSUNTO À ANTIGA PORTUGUESA, OU SEJA Á FORÇA DO BOFETÃO, MAS INFELIZMENTE APESAR DE TODOS OS MEUS DESAFIOS E BUSCAS NO EMPREGO,CASA DE RESIDENCIA E CASA DA MÃE, O COBARDE TEM SEMPRE CONSEGUIDO ESCAPAR À TANGENTE. NÃO DISPONHO DE NENHUM OUTRO MEIO ONDE POSSA TENTAR LAVAR A MINHA HONRA OU A ROUPA SUJA COMO TU PRÓPRIO DIZES. DAI A MINHA INSISTENCIA E O MEU PEDIDO DE PERDÃO A TODOS OS SEGUIDORES DECENTES A QUEM PEÇO UM POUCO MAIS DE PACIÊNCIA ATÉ EU CONSEGUIR AGARRAR O HOMEM E DAR-LHE A LIÇÃO QUE ELE MERECE. TODOS SABEM COMO SÃO IMPORTANTES PARA MIM SEGUIDORES COMO TU QUE VÊM DO TEMPO DO ANTIGAMENTE AOS QUAIS FORÇOSAMENTE EU ESTOU LIGADO POR LAÇOS E MEMÓRIAS AFECTIVAS.
ENTRETANTO ACEITEM COMO PROVA DA MINHA BOA VONTADE A ROSA QUE VOS OFEREÇO EM CIMA.
**
-"L'IMPORTENT CES LA ROSE! ! !"

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

POESIA PARA O ZÉ POVINHO

OS LUSÍADAS, O ÉPICO DO POVO LUSITANO
*
As armas e os barões assinalados,
Que da ocidental praia Lusitana,
Por mares nunca de antes navegados,
Passaram ainda além da Taprobana...
.................................................................
...E aqueles, que por obras valerosas
Se vão da lei da morte libertando;


(transcrição do comentário postado hoje pelo Zé Povinho)
Anónimo disse...
Não resistes... mas tens razão! a Crise está a levar as pessoas a fazerem coisas impensáveis até há pouco tempo ... Paciência. Talvez entretanto apareçam novos nomes honestos na nossa politica para salvarem todos nós,já que me parece que o ULTIMO REI DE PORTUGAL não está muito interessado em assumir as suas reais e patrióticas funções .Paciência.
Mas pelo menos deves estar a fazer uma boa dieta ou com a crise a reduzir os teus almoços e jantares porque é evidente que a tua barriga está tão mais pequena que já não cabe lá um Rei... tens que nos dizer como conseguiste porque os teus seguidores, como eu, que sofrem do mesmo mal estético vão agradecer...
Fiquei satisfeito com a tua sugestão da Poesia em Lingua Portuguesa e tenho pena dos meus dotes não serem capazes de parir nada de poético porque senão já estarias com poemas meus para publicar. Mas entre tantos bloguistas vão concerteza aparecer boas obras como aquela que já publicaste.
Um abraço e um obrigado
Zé Povinho

17 de Fevereiro de 2010 11:14
****
ÓH ZÉ POVINHO ANDAS-ME A DESVIAR PARA ESTES CAMINHOS DA POESIA DE QUE EU TANTO GOSTO... ASSIM COMO ASSIM PREFIRO A POESIA DO QUE TER QUE ASSUMIR AS MINHAS REAIS E PATRIÓTICAS FUNÇÕES INERENTES À MINHA POSIÇÃO DO ÚLTIMO REI DE PORTUGAL.
***
(transcrição do comentário postado hoje pela seguidora São)


São disse...
oi para todos
Já há muito que eu não me manifesto aqui, embora como amiga o Carlos esteja ciente dos meus comentários às postagens feitas durante todo este já mais de um ano de existência. Vim hoje só para que todos saibam da minha satisfação com a participação de mais seguidores com os seus comentários e que despertram no Carlos a vontade de novos assuntos a apresentar.
A lingua Portugues é rica e pode mesmo ser um tema que se arrastará por muito tempo - com poesia, prosa,criações próprias ou tiradas de boas obras... é um mundo de possibilidades e espero que faça mesmo que os seguidores mais atentos e sem medo de se exporem ( ou usando de psedónimos como os Zés ,que são dois ou três)passem a comentar mais e tragam também novos assuntos que nos façam enriquecer o blog.
Eu diariamente aqui estou para ler/ver as novidades.
Um abraço para tds da São

17 de Fevereiro de 2010 22:21

*****


Anónimo disse...
não tenho a genialidade necessária para escrever mas tenho alguns poemas que são meus preferidos -não muitos - e por isso resolvi partilhar um dos mais espantosos.

Mando um poema atribuido a Clarice Lispector, grande nome da Lingua Portuguesa, ucraniana naturalizada brasileira(vive no Brasil desde os dois meses de idade e aos 12 anos vai para o Rio de Janeiro onde entre outras atividades iniciou a sua rica carreira literária, prosa e poesia,interrompida em 1977 data de sua morte.
POEMA GENIAL

Não te amo mais.
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada.
Não poderei dizer jamais que
Alimento um grande amor
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto,mas tenho de dizer a verdade
É tarde demais...

Obs. agora leia de baixo para cima. Pura arte...pura genialidade...
( retirado da internet)

espero que tu gostes e os meus companheiros e companheiras seguidores também.
Um abraço
Zé Povinho

18 de Fevereiro de 2010 16:29

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

MINHA PÁTRIA É A LÍNGUA PORTUGUESA


PÁTRIA DE FERNANDO PESSOA


FERNANDO PESSOA E O SEU CAFÉ NA BRASILEIRA


ÁLVARO DE CAMPOS (etronimo)


RICARDO REIS (etronimo)


ALBERTO CAEIRO (etronimo)
***

Livro do desassossego

Não tenho sentimento nenhum politico ou social. Tenho, porém, num sentido, um alto sentimento patriotico. "Minha patria é a lingua portuguesa". Nada me pesaria que invadissem ou tomassem Portugal, desde que não me incommodassem pessoalmente, Mas odeio, com odio verdadeiro, com o unico odio que sinto, não quem escreve mal portuguez, não quem não sabe syntaxe, não quem escreve em orthographia simplificada, mas a pagina mal escripta, como pessoa própria, a syntaxe errada, como gente em que se bata, a orthographia sem ípsilon, como escarro directo que me enoja independentemente de quem o cuspisse.
****
(transcrição do comentário feito nesta postagem)
Anónimo disse...
Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,
Mas não esqueço de que minha vida
É a maior empresa do mundo…
E que posso evitar que ela vá à falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver
Apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e
Se tornar um autor da própria história…
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar
Um oásis no recôndito da sua alma…
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um “Não”!!!
É ter segurança para receber uma crítica,
Mesmo que injusta…

Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo…
*******
Para mim um dos mais bonitos e profundos poemas deste Poeta tão complexo que é Fernando Pessoa. Acho muito bom Carlos temos muitos bons escritores e tu como escritor que és podes levar-nos pelo mundo encantado e fascinante que é a nossa literatura.Claro que a internacional também merece atenção,há obras eternizadas que merecem ser faladas.Obrigado

16 de Fevereiro de 2010 20:00
***
AFINAL DE CONTAS A LÍNGUA PORTUGUESA NÃO É SOMENTE A PÁTRIA DE FERNANDO PESSOA, DE MIM PRÓPRIO E DO ZÉ POVINHO, MAS PELOS VISTOS É TAMBÉM DO ANÓNIMO QUE NOS OFERECEU ESTE POEMA "PEDRAS NO CAMINHO", UM DOS MAIS BELOS DO MAIOR VULTO DA NOSSA LITERATURA.
*
DESTA FEITA, DECLARO ABERTA A ESTAÇÃO DA POESIA...NÃO É UM "CLUBE DOS POETAS MORTOS", EMBORA TODOS ELES SÃO BEMVINDO, MAS SIM UMA TENTATIVA DE FAZER DESPERTAR DOS NOSSOS CORAÇÕES O POETA ADORMECIDO QUE HÁ EM TODOS NÓS.
*
GRANDE POETA É O ZÉ! (ditado popular)
VÊ LÁ AGORA TU ZÉ POVINHO SE VENS CONTRADIZER O DITADO. DESENRASCA-TE COMO PODERES MAS TENS QUE RESPONDER A ESTE DESAFIO.